AGE DA CBTKD: SHOW DE DEMOCRACIA!

11/11/2015 10:16

Presidente da CBTKD, Carlos Fernandes

Foi realizada a Assembléia Geral Extraordinária da CBTKD, Confederação Brasileira de Taekwondo. A Assembléia realizada em cumprimento à decisão da justiça para a aprovação do Estatuto da entidade teve a participação de 90% dos seus representantes legítimos, os Presidentes das Federações Estaduais. O novo estatuto foi aprovado, nada significantemente de novo no estatuto.
O que surpreendeu a todos foi a atitude do Presidente Carlos Fernandes, que em um ato louvável de hombridade, transparência e democracia, mesmo com seu direito garantido e assegurado, por todas as formas, para conduzir e presidir a Assembléia, levantou-se e ofereceu ao autor do processo, federação mineira, a indicar uma pessoa para presidir a Assembléia, o representante de Minas Gerais disse que não tinha ninguém, então o Presidente Carlos Fernandes perguntou aos demais presentes, o representante de Brasília indicou o representante do estado de Pernambuco para presidir a Assembléia, que foi aceito por unanimidade, assim feito, o Presidente Carlos Fernandes retirou-se da mesa de trabalho e a Assembléia teve seguimento.
Sobre a situação das federações novas e antigas, como é o caso de Minas Gerais, São Paulo e Rondônia, as novas Federações estarão sob controle direto da CBTKD, ou seja, no momento em que aguardam a definição desta situação e para garantir que ninguém será prejudicado neste processo até que essa situação seja definida, como por exemplo, todos os atletas classificados das novas Federações participarão da Copa do Brasil da CBTKD.
Comemorar? Sim! Temos que comemorar pelo show de democracia apresentado nesta Assembléia, definitivamente, mais uma prova de que a gestão Nova CBTKD, no pouco tempo de trabalho estabeleceu a ordem e a democracia no taekwondo brasileiro, para a alegria da grande maioria.

Curiosidades sobre a Assembléia
• A Assembléia foi realizada para cumprir decisão judicial.
• Na ação, a autora, a federação de Minas Gerais, pediu a intervenção na CBTKD, na qual ainda indicou Yeo Jun Kim (sim, a pessoa que renunciou à vice-presidência da CBTKD uma vez), como interventor da CBTKD, pedido esse negado pelo judiciário.
• Os advogados das federações antigas eram todos de São Paulo. Porque não de seus respectivos estados?
• Cada um pode interpretar os fatos da forma que lhe convir, mas ao que nos parece, existem pessoas que tentam métodos como induzir o judiciário ao erro, ao invés de concorrer de forma transparente e democrática ao posto de condutor do taekwondo brasileiro.
• Nos bastidores comentou-se que o advogado da fetesp tentou por algumas vezes propor um acordo a Carlos Fernandes para que a fetesp não fosse desfiliada nos próximos 5 anos, inclusive também tentou colocar esta arbitrariedade na ata da AGE.

Mas enfim, quem conhece o Presidente Carlos Fernandes e sua base sabe que não deixarão em momento algum que o taekwondo brasileiro retorceda. O melhor a fazer é tomar muito cuidado com as especulações, como as que existem nas redes sociais, e aguardar os próximos acontecimentos, sabemos que esta AGE foi apenas o começo.

COPIE E DIVULGUE, PORÉM SEJA LEGAL e ORIGINAL!
RESPEITE O TRABALHO ALHEIO, PEÇA AUTORIZAÇÃO E/OU CITE A FONTE!

FONTE: BANG.COM.BR

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!